SINDICATO DOS PROFESSORES E PREFEITURA DE PINHEIRO DIALOGAM E MANTÉM O ENTENDIMENTO, E ASSINARÃO TAC PRA GARANTIR O BOM RELACIONAMENTO ENTRE AMBOS.


O prefeito João Luciano (PP) recebeu hoje 09 a tarde uma comissão formada pela diretoria do Sindicato dos Professores do município de Pinheiro. Estiveram presentes a presidente Dinele Carneiro, a vice presidente Leonizia Rodrigues, além da Professora Alexsilma e a Professora Morgana.
Ainda estiveram presentes o secretário de Educação Augusto Miranda, o presidente da Comissão de Educação da Câmara municipal de Pinheiro, Vereador Professor Sandro Lima, além de alguns outros Secretários da área de finanças da prefeitura de Pinheiro.
O sindicato que na semana passada emitiu uma carta aberta a sociedade pinheirense, onde nesta foram relatados diversas reinvindicações e insatisfações com a atual gestão, uma vez que segundo a carta, o gestor não estaria cumprindo alguns acordos feitos entre os órgãos no início da administração.
De acordo com o prefeito João Luciano, de fato estaria havendo uma falha em relação ao cumprimento a alguns compromissos, porém, o prefeito colocou que sempre esteve aberto ao diálogo com a categoria, deixando aberto o seu whatsapp como ferramenta pra possíveis questionamentos, já que nunca deixou de se comunicar com a professora Dinele e/ou outras pessoas que o procuram.
Luciano ainda deixou bem claro que o que vem acontecendo em relação a Educação no seu governo, também deve-se ao fato da crise instalada no País. “Existia um planejamento adequado para não deixarmos nada disso que estar acontecendo agora, pudesse desestabilizar a nossa gestão, entretanto, a perda de mais de dois milhões dos recursos da Educação,fizeram com que todo nosso planejamento inicial, fosse prejudicado com a retirada desse dinheiro e não voltasse mais” disse Luciano.
“Tive que demitir pessoas pra ajustar as finanças do município, fiz isso com o coração partido, mas não teria outra saída, infelizmente”.
Luciano admite que errou:
“Erramos, não tenho medo de admitir isso, mas vamos seguir em frente, nunca fui Homem de fugir aos desafios, principalmente em situações adversas. Vou ajustar as finanças do município e até o final do ano estaremos com todas as pessoas pagas, onde ninguém terá salário atrasado, mesmo os que foram demitidos, todos serão pagos” afirma o prefeito.
Concurso publico:
Na reunião foi afirmado de forma categórica mais uma vez pelo prefeito que no inicio do ano que vem a prefeitura estará abrindo vagas para todas as áreas da administração publica através do certame publico, inclusive para profissionais da Educação em todas as áreas de atuação. Luciano garantiu que já abriram os estudos para saberem as quantidades de vagas a serem oferecidas no concurso publico.
O Sindicato
As exigências da categoria basearam-se principalmente no compromisso do gestor manter em dias os salários dos profissionais que trabalham na Educação, além de manter um calendário fixo de pagamento, onde efetivos e contratados possam receber na mesma data, que sejam, professores efetivos, estes estão rigorosamente em dias com seus vencimentos, professores contratados (existem uma parte atrasada, mas segundo o prefeito amanhã dia 10.10 até o meio dia os seus proventos estarão em contas), que estão em atraso, de acordo com o prefeito e o entendimento do sindicato, estes logo, logo serão pagos.

Luciano e Dinele, ou seja prefeitura e Sindicato, deverão assinar amanhã um TAC, onde a categoria da Educação e o Prefeito se comprometem mutuamente a atender todas as reivindicações desde que estas sejam justas pra ambas as partes.
O SINPROSEMPI reconhece que a manutenção do dialogo é a melhor maneira para se sair dessas dificuldades, e ainda reconhecem que o que o prefeito Luciano faz hoje, nunca, jamais na administração passada aconteceu neste município. “Hoje sentamos na mesma mesa, Sindicato de um lado e prefeito de outro, dialogamos e chegamos sempre no entendimento”…diz Dinele.

O Plano de cargos, carreiras e remuneração dos profissionais da Educação:
Será discutido novamente com a categoria o PCCR e levado ao conhecimento da Câmara municipal para aprovação ou não, na verdade os profissionais receberam o aval do prefeito pela discussão ampla e aquilo que estiver ao alcance da prefeitura realizar, não haverá nenhum problema, diz Luciano.
Por fim a reunião terminou num clima harmônico onde prevaleceu o dialogo e as garantias do prefeito em resolver todos os problemas que aflingem a categoria.

Deixe uma resposta