VERGONHA NO MUNICÍPIO DE PERI MIRIM: PREFEITO NÃO CUMPRE COM SERVIDORES E PREFEITURA É OCUPADA EM PROTESTO

Funcionário públicos de Peri Mirim ocupam a prefeitura da cidade em forma de protesto pelo não pagamento de seus salários. 

peri mirim

De acordo com os funcionários que não receberam seus salários de janeiro, a situação dos servidores nomeados no último concurso realizado em Peri-Mirim, está ficando cada vez mais complicada. Segundo um professor que foi aprovado e nomeado, o atual prefeito Geraldo Amorim está sendo pressionado por cabos eleitorais à cumprir as promessas que fez durante a campanha eleitoral sobre empregos na prefeitura.

Para um servidor que mora em Bequimão, e que foi aprovado no concurso de Peri-Mirim, a nomeação foi uma aclamação do atual prefeito para pressionar o ex-prefeito João Felipe (PT), e agora o mesmo defensor do povo, agora é um perseguidor número 1 dos servidores que não ler a cartilha dele e do presidente do Sindicato dos Servidores.

“Não entendo como Geraldo Amorim foi eleito pela terceira vez. Nunca vi um homem tão arrogante e prepotente quanto esse cidadão. Ele dá coice em todo mundo e, além disso, está tentando convencer os aliados que as 350 vagas ocupadas pelos concursados serão preenchidas com os novos contratados. Um cara que teve suas 8 contas reprovadas pelo TCE, alguém ainda espera alguma coisa desse cidadão?” – disse.

Segundo um servidor que esteve em Peri-Mirim nesta sexta feira (17) acompanhando uma manifestação, Geraldo tentou fugir dos repórteres que estavam na cidade, mas acabou sendo pressionado a falar. De acordo com os servidores que não receberam salários, Geraldo estaria brigando na justiça, para ter de volta às 350 vago de trabalho, que possivelmente agradaria seus aliados.

Deixe uma resposta